everteStatum

Você está pronto?
 
InícioPortalFAQBuscarRegistrar-seMembrosGruposConectar-se

Compartilhe | 
 

 BERKELEY, Daphne

Ir em baixo 
AutorMensagem
Daphne C. Berkeley
Ravenclaw 5º Ano
Ravenclaw 5º Ano
avatar

Mensagens : 77
Data de inscrição : 06/07/2008

MensagemAssunto: BERKELEY, Daphne   Dom Jul 06, 2008 7:15 pm

[Player]
Nome/Apelido: Olívia/Palito ou Olvis
Idade: 17
Msn: olivialps@hotmail.com

[Personagem]
Nome Completo: Daphne Carter Berkeley
Idade: 15 anos
Data de Nascimento: 06/03/1987
Sexo: dã, feminino né.
Cidade Natal: Liverpool
Local onde mora atualmente: Londres
Avatar: Evan Rachel Wood

----Características Físicas----
Altura: 1.65
Peso: 54 kg
Olhos: Assim, na verdade o olho dela é verde, mas dependendo do humor, do tempo e até mesmo da sua roupa ele fica azul ou cinza.
Cabelos: No momento está loira.
Marcas: Conta alguns hematomas da infância encapetada?

----Características Psicológicas----
Personalidade: De longe se sabe que tipo de garota Daph, como é chamada, é. Como sua mãe diz, ela é uma garota tranqüila, que não curte entrar em brigas e nem caçar confusão com inimigos, se é que ela tem algum, mas ela tem um sério problema com a definição da palavra “confusão”, afinal a garota não consegue ficar longe de uma quando o assunto é seguir as regras escolares. Fora isso a garota não possui nenhum problema aparente, a não ser a ironia estampada no rosto. É alegre, dentro do possível claro, e extremamente sonhadora, mas nunca demonstra isso ao primeiro olhar de alguém.
Sonhos: Bom, isso ela tem muitos, mas seu maior sonho mesmo, aquele que ela não tem coragem de dizer para ninguém, é se casar com seus vinte e poucos anos e ter cinco filhos, da pra acreditar? Daph, pode ser brincalhona e um pouco distante, mas seu maior sonho é ser mãe.
Manias: Bom, ela tem uma mania de ficar mexendo na sobrancelha quando está nervosa ou pronta para contar uma mentira, mas fora isso nada além de um roer de unhas e um balançar de pernas.

----Gostos----
Odeia: Duelos, sério, acho que esse é a coisa que ela menos suporta no mundo.
Gosta: Música, rock de preferência, animais, detenção entre outros.
Hobbie: Hum, nada além de ser uma peste.
Esporte preferido: Nenhum
Animal preferido: Dragão

----Escola----
Matéria preferida: Ain, ai você pegou pesado. Digo, ela não tem uma matéria preferida, não gosta de nenhuma, mas posso dizer que gosta de Feitiços e Transfiguração.
Destaque pessoal: Ser bagunceira? É um destaque.

----Família----
Pai: Anthony Bernard Berkeley
Mãe: Charlotte Carter Berkeley
Irmãos: Por enquanto não, mas ela não sabe como isso ainda não aconteceu, afinal seus pais desaparecem pela casa quando a menina está passando férias lá.
Fale um pouco sobre a relação que seu personagem possui com eles: No mais a única palavra que poderia indicar a relação de Daph com a família é: boa. Sim, nem ótima e nem horrível, é boa. Como toda adolescente ela tem suas crises e seus pais tentam apaziguar sendo...pais. Mas eles se dão bem, ao ponto da menina contar sobre sua vida pessoal para eles, estranho não? Mas ela conta assim mesmo e acha o máximo quando eles param o que estão fazendo para lhe dar conselhos.

----História----
Anthony e Charlotte se conheceram em um evento beneficente que algum trouxa qualquer estava dando. Não se sabe o que os dois estavam fazendo lá, já que são bruxos, mas o que se sabe é que esse evento deu origem a uma garotinha loirinha de cabelo anelado chamada Daphne. Foi logo apelidada de anjinho pelo resto da família, mas alguns anos depois aquele apelido já não cabia mais para dizer a personalidade da menina. Daph sempre levou xingos e culpa por tudo aquilo que quebrava em sua casa ou na casa de outras pessoas e na maior parte do tempo era ela mesma quem tinha feito o estrago.

Com nove anos seus pais já tinham desistido de ver a menina entrar em uma boa escola, afinal nenhuma dica de que ela tinha algum poder tinha aparecido, até que a menina conseguiu levitar um vaso, claro que a idéia era quebra-lo, mas ela nem percebeu que o vaso estava longe o bastante para alcança-lo com as mãos que conseguiu levita-lo. Seus pais assistiram a cena e logo saíram avisando a toda a família, a menina ao menos não seria uma mulher qualquer pelas ruas.

Vocês já sabem dessa parte, ela recebeu a carta de Hogwarts, ficou feliz e blábláblá. Claro que a menina já tinha planos feitos na cabeça antes de ir para a escola, mas foi avisada que na primeira detenção que pegasse, bye bye férias no Egito. Claro que a viajem ocorreu e ela se divertiu ao monte, afinal fez a sua bagunça na escola sem pegar detenção, tem coisa melhor que isso?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
BERKELEY, Daphne
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
everteStatum :: The Start :: Registro-
Ir para: